Consulte inscrição
Consulte inscrição

Como correm
as mulheres?

23 de Março, 2021

Historicamente os atletas masculinos são mais rápidos que as atletas femininas .

Mas será que a velocidade é o melhor indicador para avaliar a qualidade da corrida dos atletas? Ou existem outros parâmetros que definem o que é correr "bem"?

Vários estudos sobre a performance de atletas, profissionais e amadores, definem a regularidade da passada, ou seja, a variação da velocidade do atleta ao longo da prova, como o melhor indicador sobre a qualidade da sua corrida.

Estes estudos, que analisaram milhares de resultados de provas em todo o mundo, chegaram a uma conclusão: as atletas femininas são mais regulares. A variação da velocidade das atletas femininas ao longo das provas é menor, e desta forma, aproxima-se do seu tempo potencial. Assim podemos dizer que as atletas femininas ao gerirem melhor o seu esforço, obtém tempos próximos do seu limite.

Já em relação aos atletas masculinos, registaram a uma variação de ritmo de corrida mais acentuada. Por norma, os atletas masculinos são mais rápidos nos primeiros quilómetros da prova e mais lentos nos quilómetros finais. Esta variação de velocidade resulta em resultados piores do que o potencial do atleta, dado que chega aos últimos quilómetros mais cansado, logo mais lento, obtendo uma média global da prova abaixo do melhor tempo que poderia atingir.

Concluindo, mais importante do que quem é que corre melhor, é correr! E se quisermos tirar uma conclusão diplomática sobre o tema diremos que os atletas masculinos devem gerir melhor o seu esforço ao longos das provas!